hora de sumir



















Todos nós precisamos de tempo, aprendizagem, dedicação e, provavelmente, uma boa dose de talento e identificação para com o que quer que seja que se queira fazer.

Existe, portanto, uma idéia no nosso subconsciente, no inconsciente, de que tudo deve levar muito tempo e depender de um acúmulo de conhecimento, de informação. E, não só isso, está agregado a este material, uma palavra que é muito usada por você: “difícil”.
Aqui, portanto, a minha proposta, na sua simplicidade, entra em conflito primariamente com o fato de que a mente não está preparada culturalmente para aceitar o fácil como algo de valor. Você só aceita o difícil.

Quanto mais complexo o relacionamento, mais intenso. 
Quanto mais complexo e difícil o empreendimento, mais interessante. 
A mente tem adoração pelo complexo. 

E a partir disso, iluminação também se apresenta como uma espécie de cocar, como uma espécie de cinco estrelas nos ombros, algo anormal, superior, extremamente complexo e raramente conquistado.

Está tudo errado! Iluminação não é uma conquista. A Iluminação não pode ser conquistada, porque o conquistador precisa se render, desaparecer, para que Ela aconteça.

Be first to comment